Expedição Lusitânia-Comemoraçoes 1ª travessia Aérea Atlântico Sul

Data: 
10/02/2022

Caros associados

Como sabem desde já alguns meses que a nossa ANC em parceria com a Associação David Melgueiro, tem desenvolvido inúmeras ações para montar e fazer acontecer aquilo que foi batizado de “EXPEDIÇAO LUSITÂNIA”, que é na sua essência uma homenagem a Sacadura Cabral e Gago Coutinho comemorando o centenário da sua travessia do Atlântico Sul por via aérea em 1922.
Inicialmente era apenas a Associação David Melgueiro com os seus dois veleiros o ANIXA II e o LAMPFALL, que iriam fazer-se ao caminho, no entanto logo que a ANC foi convidada e os sócios informados, de dois passaram a ser nove os veleiros implicados no projeto.
Cabe aqui salientar que devido à complexidade da logística de suporte desta viagem o número foi limitado a dez e na realidade são nove os que decidiram içar velas.

A Expedição Lusitânia, transformou-se num três em um, quer dizer, se por um lado será uma viagem de circum-navegação do Atlântico Sul, na ida e do Atlântico Norte no regresso, por outro, uma forte mensagem de responsabilidade social ambiental é transmitida pelo coletivo da frota com o logo “Salve os Oceanos – Salve a Humanidade” e pelas várias palestras a cargo do Capitão da Marinha Mercante José Mesquita, que terão lugar, nos locais mais simbólicos da travessia de Sacadura Cabral e Gago Coutinho- Las Palmas, Mindelo, Recife e Rio de Janeiro. Também na sua terceira face a Exposição coletiva “Oceano-Mar é Vida” vai levar a nossa arte plástica e também a nossa música aos locais acima mencionados numa verdadeira expressão da nossa cultura Lusa de que todos nos orgulhamos, e que fez e faz de nos grandes, mesmo sendo geograficamente pequenos no mapa global planetário.

Alguns são os eventos que vão acontecer antes da nossa partida e por isso é com grande orgulho e prazer que podemos dizer-vos quais, e mais, desafiar-vos para neles participarem dando aos companheiros que partem, a força da certeza de que estão a fazer algo de que vocês também se orgulham como nautas e portugueses.

O primeiro evento vai ser dia 10 de Fevereiro de 2022 no pavilhão das Galeotas do Museu da Marinha, pelas 1700 onde o projeto será apresentado. Na ocasião as condições de COVID vão ditar as condições de admissibilidade que esperemos sejam mais favoráveis que as que atualmente são exigidas.

O segundo evento é dia 26 e 27 de Março, em que na Marina de Oeiras onde haverá uma jornada de fim de semana de portas abertas, capitães e tripulantes podem falar do seu veleiro e mostra-lo, mas também dia 27, uma festa com musica e Carcavelos de Honra vai acontecer. Venham todos e festejem connosco!

O terceiro evento acontece no dia 30 de Março, pois a frota da ANC e ADM e os dois da Marinha “Zarco” e “Polar” irão fundear em frente à Torre de Belém para uma bênção do bispo da Marinha e uma largada simbólica. (ainda não existe hora para o evento)

O quarto e último evento deve começar cerca das 1100 do dia 3 de Abril, em que com início de um festival aeronaval a frota larga para a sua viagem Lisboa-Rio de Janeiro-Lisboa. A Marinha do Tejo também participará e seria um enorme prazer poder ver a frota da ANC associada à largada, acompanhando a saída dos veleiros até à barra de Lisboa
O próximo porto de escala será Las Palmas e aí espera-se poder oferecer um porto de honra e ser recebidos no Real Náutico Clube de Las Palmas.

Após uma curta estadia de 5 dias segue-se para o Mindelo em Cabo Verde onde a chegada está prevista para dia 23 de Abril.
Em Cabo Verde dia 30 de Abril realiza-se o primeiro grande evento da viagem repetindo o que se fez no Pavilhão das Galeotas.
A 5 de Maio é a largada para Fernando Noronha onde se prevê a chegada entre dia 17 e dia 20 de Maio.
Após uma curta estadia de 4 dias a frota larga para o Recife onde se espera a chegada a Recife a 28 de Maio.
Espera-se que haja uma receção organizada pela comunidade portuguesa e o Cabanga Iate Clube do Recife.
A duração da estadia no Recife dependerá muito do que localmente nos for solicitado e preparado, mas certamente o mínimo de 4 a 5 dias.
Partida do Recife para 2 ou 3 de Junho
O próximo porto de escala é Salvador da Baia onde se pretende apenas que seja escala técnica de máximo 3 dias.
A nova paragem é Vitoria onde se segue o mesmo principio que em Salvador com 3 dias de estadia.

Finalmente chegaremos ao Rio de Janeiro estando a chegada dependente das condições de vento encontradas e que nesta época são ventos de sul, assim sendo a chegada ao Rio de Janeiro é prevista entre a última semana de Junho e a primeira de Julho.
No Rio de Janeiro haverá um novo evento a ser realizado no Consulado de Portugal no Rio. A data não está ainda definida, mas estima-se que seja por volta de 9 ou 10 de Julho.

Após as celebrações do Rio de Janeiro a frota inicia de imediato o seu regresso pelo que entre 15 e 20 de Julho larga o Rio com destino a Salvador da Baia onde na Base Naval de Aratu pretende-se deixar os veleiros em segurança durante a estação ciclónica.
Em Novembro a viagem é retomada para que o Natal seja já festejado nas Caraíbas.

O regresso a Portugal inicia-se em Maio de 2023 com partida de Miami e ou Cuba via Açores onde se espera chegar em Junho de 2023.

Durante toda a viagem via AIS, ou tracking de Preditwind/Iridium Go a frota pode ser seguida por todos.
Os Email Iridium dos veleiros assim como números de telefone Iridium serão comunicados para se manterem ligações com os companheiros, que a partir de Portugal queiram interagir connosco.
Um Blog da viagem também vai ser criado e todos podem seguir as notícias via Blog.

Terminamos gritando bem alto que a União Faz a Força e que juntos havemos de conseguir ultrapassar esta tremenda prova que nos isola e faz que a Vida perca o sorriso!!!!

Que 2022 seja um grande ano para todos!!!!!!
Saudações Náuticas