Código Internacional de Sinais

Utilizar uma "linguagem" compreensível e entendível por todos é fundamental para a segurança de quem anda no mar. Até ao séc. XVI a sinalização entre navios era feita içando as velas para determinadas posições ou disparando canhões. Sabemos que Vasco da Gama sinalizava da seguinte forma. Um sinal de fogo era ordem de continuar, dois de virar, três içar a vela moneta (acrescento cosido na esteira dos papafigos) e quatro para amainar. Durante os séc.XVI e XVII parece que os Ingleses e Holandeses hasteavam uma bandeira vermelha sinalizando o início do combate e uma bandeira preta com o significado de cessar o combate. Desde o princípio do séc. XVIII que vários códigos para navegantes têm vindo a ser publicados, como o do o almirante inglês Richard Howe em 1777. Um outro almirante inglês, Sir Home Popham, aperfeiçoou um alfabeto de bandeiras. Mas só em 1817 o código de sinais do comandante Frederick Marryat teve aceitação internacional, com bandeiras representando os numeros de 0 a 9, uma bandeira de "Rendez-vous", outra "Telegráfica", a "Union Jack", quatro substitutas e uma "Numérica". Cada sinal não tinha mais de 4 bandeiras o que perfazia quase 9000 sinais.


1

2

3

4

5

6

7

8

9

0

1 Sub.

2 Sub.

3 Sub.

4 Sub.

Numérica

Rendez-vous

Telegráfica
     

Código de sinais de Marryat

 

Outros códigos diferentes foram publicados como um Dinamarquês (Rhode), um Americano (Rogers/Larkins) e um Francês (Reynold). De uma revisão em 1961 resultou o actual código, que tinha sido concebido em 1855 e publicado em Inglaterra em 1857, tendo sido editado pela última vez em 1988 pela IMO (International Maritime Organization).

O C.I.S. é composto por 26 bandeiras alfabéticas, 10 numéricas, 3 substitutas e um galhardete de código ou reconhecimento. Todas as bandeiras alfabéticas, exceptuando a letra "R", significam uma mensagem distinta. Podem-se combinar umas com as outras sendo lidas do topo para a base. As bandeiras estão concebidas de modo a ser reconhecidas mesmo estando parcialmente cobertas.

Descreve-se aqui apenas um pequeno resumo com o objectivo de dar a perceber a importância deste meio de comunicação entre navios. À frente de cada bandeira é indicada a soletração usada nas comunicações rádio. A edição do "Código Internacional de Sinais" é da responsabilidade do Instituto Hidrográfico e contém toda a informação sobre a interpretação e utilização dos diversos códigos de sinalização (Bandeiras, Morse e Homógrafo).


Alfa
Tenho um mergulhador na água. Mantenha-se afastado e navegue a baixa velocidade.
November
Não (resposta negativa ou "O significado do grupo anterior deve ser interpretado na forma negativa").

Bravo
Estou a carregar ou descarregar, ou a transportar carga perigosa.
Oscar
Homem ao mar.

Charlie
Sim (resposta afirmativa ou "O significado do grupo anterior deve ser interpretado na forma afirmativa").
Papa
Num porto: Todas as pessoas devem regressar a bordo porque o navio vai largar.

Delta
Mantenha-se afastado de mim; estou a manobrar com dificuldade.
Quebec
O estado sanitário do meu navio é bom e peço livre prática.

Echo
Estou a guinar para estibordo
Romeo
 

Foxtrot
Estou com avaria; comunique comigo.
Sierra
Estou operando com propulsão à ré.

Golf
Preciso de um piloto. (em locais de pesca e por navios de faina pesqueira a curta distância uns dos outros, significa "Estou a meter dentro as minhas redes).
Tango
Mantenha-se afastado; nós estamos a pescar de arrasto em parelha.

Hotel
Tenho piloto a bordo.
Uniform
Você está a dirigir-se para um perigo.

India
Estou a guinar para bombordo.
Victor
Preciso de assistência

Julliet
Mantenha-se bem afastado de mim. Tenho fogo a bordo e transporto carga perigosa ou estou a derramar carga perigosa.
Whiskey
Preciso de assistência médica.

Kilo
Desejo comunicar consigo.
X-Ray
Suspenda as suas manobras e preste atenção aos meus sinais.

Lima
Pare o seu navio imediatamente.
Yankee
Estou a arrastar o meu ferro (garrar).

Mike
O meu navio está parado e sem seguimento.
Zulu
Preciso de um rebocador. (em locais de pesca e por navios de faina pesqueira a curta distância uns dos outros, significa "Estou a lançar as minhas redes").
       
 1ª substituta.  2ª substituta.  3ª substituta.  galhardete do Código ou Reconhecimento.
 Nadazero  1 Unaone   2 Bissotwo  3 Terrathree   4 Kartefour  5 Pantafive 
 6 Soxisix  7 Setteseven   8 Oktoeight  9 Novenine

 


Segundo o Código Internacional de Sinais, Parte IV, Anexo E, as bandeiras tem dimensões regulamentares, das quais se destacam as seguintes:


bandeiras rectangulares
 
Tamanho comprimento
(a)
altura
(b)
1 2,44 1,98
2 1,68 1,37
3 0,91 0,76

 


bandeiras numerais
 
Tamanho comprimento
(a)
altura
(b)
topo
(c)
1 5,11 1,52 0,46
2 3,89 1,14 0,30
3 2,59 0,76 0,20

 


bandeiras substitutas
 
Tamanho comprimento
(a)
altura
(b)
1 3,05 2,44
2 2,29 1,83
3 1,52 1,22